Publicações

  • Fonte normal
  • Aumentar fonte
  • Adicionar a favoritos
  • Imprimir
  • Envie para um amigo:





Saber Viver » Saber Viver n.09

04/2001

Legumes

São nutritivos, baratos e ainda fortalecem o sistema imunológico

Quem pensa que para comer legumes tem de estar de dieta está redondamente enganado. Os legumes são fundamentais na alimentação diária de qualquer pessoa. Eles garantem nutrientes e fibras que fazem com que nosso organismo funcione melhor. A nutricionista Marlete Pereira, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, afirma que a quantidade de ingestão diária dos legumes deve ser de quatro a 6 colheres de sopa por refeição (almoço e jantar). “O ideal para as pessoas soropositivas, que precisam de uma alimentação ainda mais reforçada, são 6 colheres por refeição”. Marlete alerta que a variedade é fundamental. “É importante que em cada colher tenha tipos diferentes de legumes”. Portanto, não associe os legumes à dieta e aproveite ao máximo o que esses alimentos podem lhe dar, afinal, além de não serem caros, eles podem ser bem gostosos. Depende da forma do preparo.

Batata não é legume
Cuidado com a batata. Ela não é legume e sim amido. Ou seja, ela não possui os nutrientes que estão contidos numa porção de legumes. Inclusive, se ela for ingerida em excesso pode fazer com que você tenha um aumento no colesterol. Portanto, nada de abusos. Isso vale para todos os tipos de batata: inglesa, doce e baroa.

Os alimentos considerados legumes são chuchu, cenoura, abóbora, vagem, quiabo, jiló, beterraba e nabo. Marlete explica que, por serem ricos em fibras, esses alimentos garantem um bom funcionamento do intestino. Além disso, ajudam a fortalecer o sistema imunológico porque possuem uma grande quantidade de nutrientes. Um deles é a vitamina A, que está concentrada na maioria dos legumes de cor alaranjada. Essa vitamina é ótima para os olhos, para a pele e ainda melhora a resistência à gripe e a outras infecções. Os legumes também possuem vitamina K, ótima para a coagulação do sangue.

O preparo ideal
Os legumes devem ser cozidos com pouca água. Assim, você estará mantendo os nutrientes do alimento. Uma boa dica é aproveitar a água na qual eles foram cozidos para preparar uma boa sopa. “Pode ter certeza que assim você estará aproveitando ao máximo o que esses alimentos podem lhe dar. Outra forma de preparo é o refogado que também ajuda a manter os nutrientes do alimento”.

Curiosidades sobre os legumes
A nutricionista avisa que você deve evitar a abóbora quando estiver com diarréia. Ela é laxante. Nessas horas prefira a cenoura cozida. Ela prende o intestino sem causar danos à sua saúde. Agora cuidado: a cenoura crua deve ser evitada em quadros de diarréia, porque não possui o mesmo poder de quando está cozida.

Legumes com creme

Cozinhe, numa panela com pouca água e um pouco de sal, chuchu, cenoura, abóbora, quiabo e vagem. Enquanto isso, em outra panela, prepare o molho com três colheres de requeijão e meia xícara de leite. Se preferir, coloque uma colher de chá de maizena. Esquente até que o requeijão e o leite formem um caldo.

Coloque os legumes numa forma e jogue o caldo por cima. Coloque queijo ralado e leve ao forno por alguns minutos. Sirva ainda quente.

Compartilhe