Publicações

  • Fonte normal
  • Aumentar fonte
  • Adicionar a favoritos
  • Imprimir
  • Envie para um amigo:





Saber Viver » Saber Viver n.12

10/2001

Zidovudina + Didanosina + Indinavir + Ritonavir

A combinação apresentada nesse número é cada vez mais indicada pelos médicos. Apesar de serem utilizados quatro medicamentos, ela tem vantagens sobre a combinação apresentada na outra página. Isso porque ao ingerir o Indinavir junto com o Ritonavir, o Indinavir fica mais fácil de ser tomado. Ele passa a não necessitar mais de jejum e deve ser tomado apenas duas vezes ao dia, de 12 em 12 horas.

Atenção: É necessário um intervalo de pelo menos 1 hora entre a Didanosina e o Indinavir e um intervalo de pelo menos 2 horas entre a Didanosina e o Ritonavir.

O Indinavir provoca a formação de cálculos renais. Para evitá-los é preciso beber pelo menos 2 litros de água por dia.

ZIDOVUDINA
(Azt, Retrovir) 3 cápsulas de 12 em 12 horas
Didanosina 
(ddI, Videx) 4 comprimidos, diluídos em meio copo de água, 1 vez ao dia, em jejum. Ou seja, 1 hora antes e 1 hora depois de tomá-la você só pode beber água.
Indinavir 
(Crixivan) 2 cápsulas de 12 em 12 horas
Ritonavir 
(Norvir) 1 cápsula de 12 em 12 horas

8h da manhã
Ao tomar o café da manhã, João toma também seus medicamentos: 3 cápsulas de Zidovudina, 2 cápsulas de Indinavir e 1 cápsula de Ritonavir. A melhor hora para tomar o Indinavir e o Ritonavir é quando você se alimenta, pois assim diminui a probabilidade de você ter problemas como enjôos e náuseas.

8h da noite
Na hora do jantar, João toma a segunda dose dos medicamentos: 3 cápsulas de Zidovudina, 2 cápsulas de Indinavir e 1 cápsula de Ritonavir.


10h da noite

Depois de um jejum de pelo menos 1 hora, João dissolve os 4 comprimidos de Didanosina em meio copo de água, toma e vai dormir.

Zidovudina + Didanosina + Indinavir

Zidovudina – 3 cápsulas de 12 em 12 horas

Didanosina – 4 comprimidos, diluídos em meio copo de água, 1 vez ao dia.

Indinavir – 2 cápsulas de 8 em 8 horas. Tanto a Didanosina quanto o Indinavir precisam de jejum para serem tomados. São jejuns diferentes:

Didanosina – Jejum de 1 hora antes e 1 hora depois de tomá-lo. Durante o jejum, você só pode tomar água.

Indinavir – Jejum de 2 horas antes e 1 hora depois de tomá-lo. Durante o jejum, você tem que evitar todo e qualquer alimento gorduroso, estão permitidos, apenas, um copo de leite desnatado ou um suco de frutas, três biscoitos de água e sal ou uma fruta. Mas não tudo junto!

Atenção: A Didanosina e o Indinavir não podem ser tomados ao mesmo tempo. É necessário um intervalo de pelo menos 1 hora entre eles. Não se esqueça de beber bastante água para evitar a formação de cálculos renais provocada pelo Indinavir.

Didanosina
Mesma substância, nomes de medicamentos diferentes e muitas dúvidas

A Didanosina, assim como outros anti-retrovirais, possui diversas formulações disponíveis na rede pública de saúde, cada uma com um nome fantasia diferente. Todos os medicamentos que usam a Didanosina em sua formulação protegem o sistema imunológico contra o ataque do HIV. Mas, para que façam efeito, é necessário que o paciente esteja em jejum. No entanto, nem todos os medicamentos exigem o mesmo tempo de jejum. “Existem algumas diferenças em relação ao jejum recomendado aos diferentes medicamentos feitos a partir da Didanosina, distribuídos na rede pública. De qualquer forma, o jejum de uma hora antes e uma hora depois de tomar a Didanosina é suficiente em todos os casos”, informa o infectologista Estevão Portela.

O Videx, que há algum tempo não era mais encontrado na rede pública, é o medicamento menos tolerado pelos pacientes, porque muitas vezes provoca diarréia. Se esse é o seu caso, informe ao seu médico. Ele poderá ajudá-lo a solucionar esse problema.

De acordo com alguns dados recentes, alguns médicos recomendam a utilizacão de 2 comprimidos de Didanosina, 2 vezes ao dia, de 12 em 12 horas. Mas isso deve ser estudado caso a caso.

Uma outra dúvida tem surgido a respeito da Didanosina: ela pode ser tomada junto com os outros medicamentos? Estevão Portela esclarece que não existe problema algum em se ingerir a Didanosina, sob qualquer formulação, no mesmo horário dos outros medicamentos inibidores de transcriptase reversa (Veja tabela de medicamentos na pág 11). A única exceção é a Delavirdina, que não é mais utilizada no Brasil. Entre os inibidores de protease, é recomendado que haja um intervalo de 2 horas entre a administração da Didanosina e do Ritonavir, e de 1 hora entre a administração da Didanosina e do Indinavir.

Esses e outros dados estão disponíveis no Manual de Tratamento Clínico da Infecção pelo HIV da Johns Hopkins-2000/2001.

Compartilhe